Os cachorros são muito fiéis e companheiros, por isso muitas pessoas consideram eles como um membro da família, com isso essas pessoas só querem o bem para os seus bichinhos de estimação.

Um homem idoso não hesitou em levar seu cãozinho para o trabalho para não deixá-lo sozinho, mas o curioso era a forma como o transportava, o idoso usava um carrinho de mão para poder levar ele.

Aparentemente, o homem não tinha com quem deixar seu melhor amigo e não teve ideia melhor do que levá-lo para o trabalho, que parece ser um canteiro de obras. A cena emocionante ocorreu no bairro La Florida, em Ibagué, Tolima, Colômbia.

A foto foi feita por um jornalista que estava procurando uma área em busca de novas fotos, quando viu o idoso com seu cãozinho em uma cena emocionante, ele sabia que era uma imagem a ser capturada. O curioso fato surpreendeu também uma cidadã que não podia ignorar o que se passava diante de seus olhos.

Esta cena foi capturada enquanto o idoso estava prestes a cruzar La Variante. A foto foi publicada por Hélmer Parra no Instagram e replicada pela mídia El Nuevo Día de Colombia.

Muito lindo a atitude do idoso, mesmo com a sua idade ele não se importou em levar o seu amigo no carrinho de mão. Dava para notar que estava muito sol, então se o cãozinho andasse naquele chão quente com certeza iria machucar a sua pata e o idoso percebeu isso.

Com isso ele carregou o cãozinho em cima do carrinho, com isso ele não teria problema em queimar a sua patinha no chão quente. O cãozinho parece bem confortável no carrinho, parece que já está acostumado a andar nele. Muitas pessoas andam com seu cãozinho no sol forte, mas isso não é bom, o chão quente pode machucar seriamente a patinha do cachorro, provocando grande queimaduras.

O idoso pensou nisso e levou seu cãozinho no carrinho de mão, uma linda atitude! Gostou ? Então compartilhe com seus amigos e familiares nas redes sociais.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido do PROTETOR DOS ANIMAIS é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. APOIE O NOSSO TRABALHO COM UM DOAÇÃO. clique aqui